O futuro em anos-luz
O futuro em anos-luz

O futuro em anos-luz

12,60 €  

IVA incluído.
O produto encontra-se sem stock.

Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para o 8º ano de escolaridade, destinado a leitura orientada.

A produção de antologias pode constituir uma boa oportunidade para nos obrigarmos, leitores, a procurar autores que de outra maneira não íamos conhecer, ou porque andam perdidos em catálogos de títulos esgotados - ou porque, simplesmente, ainda não os descobrimos. valter hugo mãe acaba de publicar O Futuro em Anos Luz [ 100 anos. 100 poetas. 100 poemas], com o apoio da Porto 2001, onde reúne textos em que a palavra «futuro» (e a sua mancha, a sua alegria) é central e dominante, uma espécie de recurso ao motor do poema, como um mote para a vida inteira. O resultado é francamente curioso e útil para «compreender a nossa identidade poética». Valter Hugo Mãe escreve na sua introdução que a poesia é «a máquina perfeita» para alcançar o futuro. Tem toda a razão. Como escreveu Herberto Helder num poema («II», do livro Poemacto) que não autorizou que fosse reproduzido neste livro: «Porque o amor das coisas no seu/ tempo futuro/ é terrivelmente profundo, é suave, / devastador.» A poesia é diabólica. E, a propósito de futuro, é preciso dizer que cada um dos poemas reunidos fornece um mapa diferente para o dicionário.

Também poderá gostar de