100 Anos da Fotografia Científica em Portugal (1839-1939): imagens e instrumentos
100 Anos da Fotografia Científica em Portugal (1839-1939): imagens e instrumentos

100 Anos da Fotografia Científica em Portugal (1839-1939): imagens e instrumentos

25,90 €  
IVA incluído.

Na primeira exposição universal, a Grande Exposição de Londres de 1851, foram exibidas várias fotografias científicas, sobretudo astronómicas, como a fotografia da lua de John Adams Whipple. Por vezes as fotografias eram acompanhadas de instrumentação e materiais provenientes de expedições científicas; foi o que aconteceu na Exposição Universal de Paris de 1889, onde o Príncipe Alberto do Mónaco, um dos grandes exploradores oceanográficos do final do século XIX, apresentou o resultado das suas campanhas, exibindo fotografias e instrumentos oceanográficos.

Em Portugal, os poucos livros em língua portuguesa sobre a história da fotografia abordam principalmente os estudos de pioneiros que praticaram o retrato fotográfico ou a fotografia de paisagem como forma de arte. Estas publicações e outras, como trabalhos de pesquisa e teses, raramente incorporaram aplicações científicas da fotografia desenvolvidas por cientistas portugueses.

Por isso, o trabalho desenvolvido neste projecto visou a análise científica do impacto da fotografia na ciência, bem como o papel desta no desenvolvimento de instrumentação e dos processos fotográficos, com ênfase para a contribuição de cientistas portugueses durante o século XIX até aos anos 30 do século XX.

Também poderá gostar de